Atividades

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Todas as crianças têm direito a uma família

Este ano, à semelhança dos anos letivos anteriores, o nosso Agrupamento, no dia 20 de novembro, vai desenvolver uma iniciativa de solidariedade.

Neste sentido, em todas as salas do Jardim de Infância e EB1 de Gião e Póvoa as crianças, os alunos, as famílias, os docentes e assistentes operacionais irão dedicar uma parte substancial do seu tempo a refletirem sobre o princípio 6.º da DECLARAÇÃO DOS DIREITOS DA CRIANÇA, proclamada pela Resolução da Assembleia Geral das Nações Unidas n.º 1386 (XIV), de 20 de novembro de 1959: "A criança precisa de amor e compreensão para o pleno e harmonioso desenvolvimento da sua personalidade. Na medida do possível, deverá crescer com os cuidados e sob a responsabilidade dos seus pais e, em qualquer caso, num ambiente de afecto e segurança moral e material; salvo em circunstâncias excepcionais, a criança de tenra idade não deve ser separada da sua mãe. A sociedade e as autoridades públicas têm o dever de cuidar especialmente das crianças sem família e das que careçam de meios de subsistência. Para a manutenção dos filhos de famílias numerosas é conveniente a atribuição de subsídios estatais ou outra assistência".
Para a abordagem desta temática irá ser utilizado o livro "A casa dos afetos", de Elisabete Marques Baptista,  que nos apresenta Luzia, uma menina franzina que não tinha nem pai nem mãe.
O nosso Agrupamento irá, em simultâneo, levar a cabo um peditório de bens não perecíveis e de higiene (pessoal e do lar) que reverterão a favor da instituição Rosto Solidário, de Santa Maria da Feira.
https://www.rostosolidario.pt/pt/



Sem comentários:

Enviar um comentário